Número total de visualizações de página

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

"Sacias-me" poema escrito por VÓNY FERREIRA lido por: António Teles




A lua no firmamento

desce sobre as vidraças.

O vento resmunga

entre soluços híbridos.

Os lençóis da cama

desfraldam o azul do céu

E tu e eu…

ah...

eternizamos a magia

quente desses momentos!

As tuas mãos hábeis

dançam no meu corpo nu.

Vestido de ti

coberto de luxúria.



...Seduzes-me

arrepias-me

Sacias-me…!


O que faço e desfaço

é apenas loucura!

Passo a ser um ocaso

a engolir um mar revolto.

Mordo os teus lábios

e sugo a tua língua.

Tão tua

tão só...

tão minha...!


Esculpo outras estrelas

na pele arrepiada

querendo esse doce néctar

por ser mulher atrevida.

Vóny Ferreira

1 comentário:

Vóny Ferreira e outros poetas neste blog : http://vonyfereeira.blogspot.com/ disse...

A voz bem timbrada e agradável que declama é a do amigo António Teles, marido da nossa querida amiga e poeta Rosafogo (Natália) os meus agradecimentos e a certeza que este momento será guardado por mim religiosamente, como um dos que mais me sensibilizou. Ser poeta é viver desses pequenos nada, também, é acima de tudo encher o coração de harmonia.
Abraço-vos com simpatia!
Vóny Ferreira