Número total de visualizações de página

sábado, 6 de agosto de 2011

TRISTE OLHAR poema da Poeta Brasileira Ledalge lido por: VÓNY FERREIRA



Ah, esses teus olhos vazios!
Que tudo vêem e nada sentem
Me dói, ver-te ausente
Na imensidão do amanhã!
Você viveu sem encanto
Não que esse não tivesse!
Mas, não teve na vida alegria
A não ser escolher essa vida vazia
Que agora te faz falta
Você é essência de mim
Faz falta pra mim esse teu vago olhar!
Eu queria poder te dar tudo
Mas, principalmente o direito de amar!...
Oh, mundo cruel!
Devolva o meu Léo!
Que tanta falta me faz
Sinto imensa amargura!
Pois você foi a cura
Da minha forma de amar!....

(Ledalge)


Dedicado ao meu filho Léo, portador de autismo

2 comentários:

Lírio Lilas disse...

Vóny,

A tua leitura deste belíssimo poema valorizou-o ainda mais! Ele é tocante, um verdadeiro hino ao amor materno...Lindo lindo lindo!!!

Beijo grande,
Lila.

Vóny Ferreira e outros poetas neste blog : http://vonyfereeira.blogspot.com/ disse...

Este belo poema fala do amor de uma mãe pelo seu filho
"autista!" adorei lê-lo. Parabéns à poeta Ledalge.
Bjs também para ambas
Vóny Ferreira