Número total de visualizações de página

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

INCONFESSÁVEL(MENTE) (Vóny Ferreira





Não te disse tudo…
as ruas por onde andamos que me habitam
as folhas secas, vergadas aos meus pés hesitantes
a ânsia de te ver e de avariar todos os relógios


Não te disse tudo…
a recordação da tua mão, tremendo nas minhas
o teu olhar triste a fingir não pressentir a chuva
que nos meus olhos imitavam o mais belo arco-íris

Não te disse tudo…
que iluminavas o meu coração, como um facho
que ainda é a aurora que enfeita os meus sonhos
que mesmo SÓ, é contigo que me deito e levanto

  Vóny Ferreira 

Sem comentários: